SMTP Relay com SparkPost: Guia de Configuração

SMTP Relay com SparkPost: Guia de Configuração

Aprenda a configurar um serviço de SMTP Externo e envie emails autenticados à partir do seu sistema, com muito mais confiabilidade de entrega, e ainda utilize os 15.000 envios gratuitos por mês que a SparkPost oferece.

Olá desenvolvedor(a), seja bem vindo a mais uma publicação do Profissão Web, e nesse artigo falaremos sobre o serviço de SMTP Relay ou SMTP externo. Esse serviço nada mais é do que um servidor especializado em envio de emails. Utilizar serviços dessa natureza pode nos ajudar a aprimorar a entregabilidade dos emails que mandamos a partir dos nossos sistemas.

Existem algumas aplicações para esse tipo de serviço. Dentre elas você pode, por exemplo, utilizar o SMTP Relay como forma de envio de email padrão do seu servidor, isso é legal porque retira a responsabilidade de envio de emails do seu servidor VPS (se é que você utiliza um), desse modo, você não precisa nem instalar um servidor de emails no seu VPS, e por isso não é necessário se preocupar com limpeza de IPS (muitos IPS estão sujos, pois seus usuários antigos praticavam SPAM) e nem gerenciamento de emails, tudo será feito pelo serviço de SMTP Relay que você contratou. Uma outra aplicação muito legal, é poder utilizar o serviço, como se fosse uma conta de email, para enviar emails de sistemas php (ou qualquer outra linguagem, que utilize o protocolo SMTP para envio de emails). Nesse caso, fica muito mais simples configurar softwares como o Mautic (aplicação para o envio e automação de email marketing), por exemplo.

Depois de falar um pocuo sobre as vantagens de se utilizar os serviços de SMTP Ralay, vamos colocar a mão na massa e ver como se configura o serviço, e nesse caso utilizaremos a SparkPost, que é uma empresa já antiga no mercado, e uma das principais concorrentes da SendGrid (a gigante do pedaço). Eu utilizo a SparkPost desde que eles disponibilizavam um plano gratuito com 100.000 envios (inclusive ainda tenho essa cota na minha conta). Porém, atualmente eles disponibilizam apenas 15.000 envios, que apesar de serem poucos, já funcionam para você testar, e até para iniciar uma pequena campanha se você quiser. Outra coisa que você precisa saber, é que na conta gratuita, além do limite mensal, também é aplicado um limite diário de envios. Então vamos configurar a nossa conta na SparkPost? Só se for agora.

Criando a Conta na SparkPost

Acesse o site da SparkPost clicando aqui, procure e clique em TRY FREE, e preencha o formulário com as suas informações. Lembre-se de informar um e-mail válido e que você tenha acesso, pois você precisará confirma-lo, clicando em um link que a SparkPost te enviará (caso você não confirme, só poderá enviar 100 e-mails por dia).

Na próxima tela você precisará escolher um plano. Selecione o plano gratuito e clique em GET STARTED. Agora é a hora de configurar seu domínio. Eu ainda não havia mencionado isso, mas você vai precisar de um domínio registrado em todas as etapas da nossa configuração, e acesso à tabela DNS desse domínio. Se já estiver com o domínio pronto, informe-o sem o www e clique em ADD DOMAIN.

Na próxima tela, você será questionado sobre como você deseja utilizar o serviço, se como um servidor SMTP ou através de uma API. No nosso caso vamos utilizar o servidor SMTP, ecolha-o e avance. Por fim você será levado até uma tela que exibe todas as informações para a configuração do serviço de SMTP Relay em qualquer aplicação. Ela nada mais é do que servidor, porta e credenciais para autenticação do email, muito parecido com as configurações de uma conta de email comum. Copie todos os dados e os guarde em local seguro, principalmente o Password, pois ele não voltará a ser exibido. Se por acaso você o perder, não poderá recupera-lo, terá que criar outro.

Nesse ponto, se você ainda não confirmou seu e-mail, esse será o primeiro passo, a menos que você queira permanecer com um limite de envio de 100 emails por dia. Acesse o email que você cadastrou no SparkPost e faça a confirmação do seu cadastro. Veja nas imagens abaixo, os limites, antes e depois da confirmação.

Antes:

Depois:

Para finalizar a configuração, só precisamos adicionar o registro DKIM à tabela DNS do nosso domínio. Para isso, na sua conta SparkPost clique em ACCOUNT, depois selecione SENDING DOMAINS. Você verá o domínio que você adicionou anteriormente, e perceberá que ele está com o status unverified. Com o domínio nesse status o SparkPost não conseguirá fazer os envios dos e-mails. Clique então em VIEW SETTINGS.

Nessa tela, na sessão Set up for sending você encontrará os valores que devem ser adicionados na sua tabela DNS (se você ainda não utiliza a tabela de DNS da Cloud Flare, eu super recomendo que você passe a utilizar. Além de ser muito simples de editar e da organização que você ganha, unificando todas as tabelas de seus sites em um só lugar, a Cloud Flare também oferece serviços gratuitos de proteção contra ataques além do proxy cache, que deixa o seu site bem mais rápido. Caso você queira saber mais sobre a Cloud Flare, me avise nos comentários que eu faço um tutorial sobre como utilizar o serviço). Adicione esse registro na sua tabela, e após alguns minutos clique em Verify TXT Record. Pronto, o seu domínio já está configurado e você já pode enviar emails a partir do SMTP Externo do SparkPost.

Uma outra coisa legal é que a sua conta não possui limite de domínios cadastrados, você pode quantos domínios quiser clicando em ACCOUNT no menu princpal, e em SENDING DOMAINS. Nesse local você pode clicar em ADD A DOMAIN para adicionar novos domínios.

Então é isso desenvolvedor(a). Espero que esse tutorial tenha sido útil para você. Não se esqueça de participar das discussões logo aqui em baixo, no campo de comentários. Suas dúvidas, contribuições, críticas e elogios serão sempre bem vindos. Por enquanto vou ficando por aqui. Um forte abraço e continue conosco aqui no blog!